Como fazer um filme de amor

filme brasileiro

Poucos dias atrés estava zapeando pela TV,  num misto de insônia e procrastinação, procurando algo decente pra assistir depois da meia-noite. Depois de muitos documentários repetidos e séries, que de tão modinha, ficaram chatas de assistir, reconheci a Denise Fraga em uma praia deserta com Cássio Gabus Mendes.

Pensei que fosse algo do tipo Retrato Falado e parei pra assistir. Acabou prendendo a minha atenção. Confesso que não sou muito fã do cinema brasileiro. Talvez por um pouco de preconceito, admito, mas o motivo maior de eu não gostar, é porque tenho preferencias por Terror/Suspense e (até onde sei) não temos filmes assim. Ou não são como os que eu gosto.

Como fazer um filme de amor é uma comédia romântica de 2004. O primeiro longa de José Roberto Torero. O filme mostra exatamente  como fazer um filme de amor. Tem todos os clichês comuns a todos os filmes românticos ou de gêneros parecidos: a mocinha, o mocinho, o vilão e a rival. Nada diferente. A história conta também com um narrador (Paulo José) vai apontando todos os clichês, truques e golpes baixos necessários para fazer um filme de amor.

Premiado no  Festival de Belém do Cinema Brasileiro de 2004 como melhor roteiro e melhor fotografia e no Festival do Audiovisual em Recife, também em 2004, como melhor roteiro.

Segue ai o Trailer, pra você dar uma conferida no que eu estou falando. É bom mesmo!

Beijos,

Maiara